Últimas notícias
Gestores de Canarana participam de Congresso Internacional de Sustentabilidade| Indígenas e prefeito de Canarana defendem maior discussão sobre o traçado da BR-242| Iluminação da travessia urbana BR 158 em Água Boa é oficialmente inaugurada| Boxeador Popó é confirmado na temporada de Praia de Nova Xavantina, cidade irá receber lutas de UFC| Xinguanos entregam ao governo plano de consulta inédito|
Notícias - Saúde

24 de Dezembro de 2018 ás 16:49:57

Saúde: sempre o melhor presente

Quem não gosta de rasgar o papel de embrulho para desvendar um presente-surpresa?

Foto por: Unplash

Shoppings e supermercados lotados nos dias que antecederam o Natal. Estava difícil sair de casa. Finalmente respiramos aliviados: a correria acabou e todos os preparativos concretizam-se na ceia do dia 24 e no almoço do dia 25 de dezembro.

Quem não gosta de rasgar o papel de embrulho para desvendar um presente-surpresa? Quem não sente prazer em deixar as dietas de lado e aproveitar, sem nenhuma culpa, as delícias natalinas cuidadosamente preparadas? Crianças ou adultos: todos se divertem com o Natal.

Chegou o Natal de 2018. Daqui para frente, que todos possam cultivar os melhores valores que deveriam estar mais constantemente guiando nossa vida: a solidariedade recíproca, a compreensão e o respeito ao direito de que alguém possa ter ideias contrárias às suas próprias, a compaixão pelo próximo e, dentre tantos outros valores importantes, o entendimento de que a saúde é um dos “bens” mais preciosos que possuímos e que, cultivar hábitos que a preservem pode ser o diferencial entre uma vida de paz ou de turbulência.

Comer saudável, prática rotineira de exercícios físicos e dormir bem. Todo mundo sabe que este é o tripé para uma saúde de qualidade. No entanto, nem todo mundo faz, posto que entre o “saber” e o “fazer” há um longo caminho e uma dose gigante de força de vontade. Não custa lembrar.

No entanto, há outro fator que ajuda importantemente a equilibrar este tripé: ajudar ao outro. Sim, estudos apontam que as pessoas que são solidárias e ajudam sinceramente outras pessoas cultivando emoções altruístas são mais “saudáveis” sob a perspectiva psicoemocional e física. Uma recente pesquisa demonstrou que pessoas que ajudam pessoas tem redução na atividade da amígdala, que é a região do cérebro envolvida com o medo e o estresse.

Ajudar aos outros significa, também, ajudar a si mesmo. Significa, portanto, dar mais saúde para você mesmo. Lembre-se sempre: a possibilidade de uma vida com saúde continua sendo o melhor presente que você pode dar para você mesmo e para os que estão à sua volta.

Feliz Natal para todos!

 

Fonte: Ana Escobar - G1

O Portal não se responsabiliza pelos comentários aqui postados!