Últimas notícias
Os integrantes do grupo conviver esperança comemoraram o Natal, nesta terça-feira dia 12 de dezembro!| Prefeitura realiza Natal das Crianças com sorteio de bicicletas e muita diversão| Prefeito de Gaúcha do Norte participa de reunião sobre BR-242| Veja o Vídeo: MPF apura retirada excessiva de água do Rio Araguaia, em Goiás| Secretaria de Agricultura de São José do Xingu comemora avanços em 2017|
Notícias - Esportes

11 de Agosto de 2017 ás 14:04:30

Caio Souza vai a quatro finais no Pan de Lima; Zanetti é poupado

Bicampeão brasileiro é o destaque do país nas classificatórias no Peru, enquanto campeão olímpico das argolas compete apenas no solo.

Foto por: Divulgação

Bicampeão brasileiro no último domingo, Caio Souza mostrou mais uma vez que está em boa fase. Bronze no Pan de 2015 e reserva na Olimpíada do Rio, o ginasta foi o melhor brasileiro nas classificatórias do Campeonato Pan-Americano por aparelhos, em Lima.

Na noite de quinta-feira, ele se garantiu em quatro finais, avançando como líder em três delas (cavalo com alças, paralelas e barra fixa). Novato na seleção, Jared Azzarini conseguiu três finais, e Carolyne Pedro vai brigar por medalha na trave e no solo. Campeão olímpico das argolas, Arthur Zanetti foi poupado e só competiu no solo, sem avançar à decisão.

Desde o Campeonato Brasileiro da última semana, Zanetti vem sendo poupado das argolas. Ele sentiu um incômodo no braço e está tratando a lesão para estar 100% no Mundial de Montreal, em outubro. Em Lima, só competiu no solo e não conseguiu repetir os bons resultados do Brasileiro. Quarto colocado na Olimpíada de Londres, o chileno Tomás González foi o líder do solo, com 14,550 pontos.

+ Fora do Brasileiro e do Pan, Flavinha ainda tenta vaga no Mundial: "Me recuperando"

+ Nory sai satisfeito do Brasileiro, mas diz: "Tenho muito a melhorar no físico"

+ Caio Souza e Thais Fidelis conquistam título no Brasileiro e ficam perto do Mundial

Caio teve seu melhor desempenho nas barras paralelas, com 14,300 pontos. Ele também foi o líder da barra fixa, mas com 14,100 pontos. No cavalo com alças, o ginasta foi o melhor com 13,950 pontos. O campeão brasileiro também conseguiu a classificação nas argolas, com a sexta melhor nota (13,600) - o líder do aparelho foi o colombiano Kristopher Bohorquez, com 14,550 pontos.

Em sua primeira competição pelo Brasil, Jared teve seu melhor desempenho na barra fixa, com 13,100 pontos, avançando na quarta posição. Ele foi o sexto nas paralelas com 12,900 pontos. Em seu principal aparelho, o salto, o ginasta teve falhas no segundo voo e se classificou apenas na sétima posição, com média de 13,325 pontos (13,800 e 12,850). Só não avançou à decisão no solo.

Única representante feminina do Brasil em Lima, Carolyne Pedro foi a melhor da classificatória do solo. Reserva na Rio 2016, a ginasta também briga por medalha na trave, avançando na quinta posição. Nas barras assimétricas, foi a nona colocada, ficando como primeira reserva.

Dois ginastas classificados para o Pan por aparelhos foram desfalques para o Brasil. Flávia Saraiva está com uma lesão nas costas e foi poupada de olho no Mundial de Montreal. Péricles Silva pediu dispensa porque vai se tornar pai.

Programação das finais

Sexta-feira (11)

Tarde - finais - GAF - salto e assimétricas - e GAM - solo, cavalo com alças (Caio) e argolas (Caio)

Sábado (12)

Tarde - finais - GAF - trave (Carolyne) e solo (Carolyne) e GAM - salto (Jared), paralelas (Caio e Jared) e barra fixa (Caio e Jared)

Fonte: Globo Esporte.com, Lima, Peru

O Portal não se responsabiliza pelos comentários aqui postados!