Últimas notícias
A Prefeitura de Canarana, em parceria com o SEBRAE, promoveu o I Seminário “Você é importante para o Município”. | A capital do nativismo Canarana realiza a maior Semana Farroupilha de Mato Grosso| Nova Xavantina aparece na lista de cidades que podem apresentar clima de deserto| Água Boa: Ruralista: bandidos pensarão duas vezes antes de invadir fazendas| Cocalinho/ Nova Nazaré (MT) - Ibama apreende madeira ilegal e aplica R$ 4,7 milhões em multas em 20 fazendas |
Notícias - Canarana

12 de Agosto de 2019 ás 10:15:27

Vereadores aprovam Prefeitura apoiar instalação de empresas com terraplanagem e infraestrutura

Cada indústria dessas tem expectativa de gerar mais de 50 empregos diretos.

Na noite da última segunda-feira, 05, foi aprovado por unanimidade pelos vereadores, na sessão ordinária da Câmara Municipal, projeto que autoriza a Prefeitura a proceder com terraplanagem e outros tipos de infraestrutura em favor de empresas que estão se instalando no município.

Estavam presentes na sessão representantes da Arbaza Alimentos e da Agrícola Ferrari, empresas que compram e processam gergelim e outras culturas. As duas empresas estão em processo de finalização de aquisição de área em Canarana para construção das sedes e dos armazéns.

O incentivo dado pelo município será a colaboração com serviços de terraplanagem e outras infraestruturas. O incentivo se justifica pela geração de emprego e renda que acontecerá através da instalação desses e de outros grupos.

Conforme informações apuradas pela nossa reportagem, outras empresas que compram gergelim e sementes de outras culturas alternativas, além de uma algodoeira, também estão em processo de aquisição de área para instalação em Canarana.

Cada indústria dessas tem expectativa de gerar mais de 50 empregos diretos. Teremos assim a expectativa inicial da geração de mais de 200 empregos com apenas quatro empresas que já estão em processo de aquisição de área, próximo do armazém da Caramuru.

Além de gerar emprego e renda, a instalação desses grupos dá mais segurança para os produtores de gergelim e de outras culturas de segunda safra, que para muitos agricultores, tem gerado mais renda do que a soja, principal cultura de Canarana.

A expectativa é que na próxima safra sejam plantados mais de 100 mil hectares de gergelim na região de Canarana. Além disso, outras culturas como feijão, milho pipoca, sorgo, milheto e algodão também começam a ganhar espaço nas lavouras do município.

A maior parte do gergelim produzido em Canarana, maior produtor nacional do grão, atualmente vai para exportação. Porém, essas empresas também querem produzir óleo tanto para o mercado interno quanto para o externo, agregando valor ao produto.

O município tem um clima propício para culturas como gergelim. Aqui as chuvas cortam antes do que em outras regiões do estado, lembrando que o gergelim não pode pegar chuva no período da colheita. Altitude e temperaturas também são ideias.

Soma-se a isso que quase 200 mil hectares estavam sem uso na segunda safra. O município planta atualmente 270 mil hectares com soja e 80 mil de milho segunda safra. Então, além de clima ideal, as culturas alternativas encontraram espaço para crescer em Canarana.

Com relação ao algodão, da mesma forma o clima tem se mostrado muito bom. Além disso, por ser uma cultura nova na região de Canarana, não há tantas doenças como nas grandes regiões produtoras, o que já está inviabilizando a atividade.

Uma algodoeira já está instalada no interior do município, na Fazenda Cocal. Agora, outra será construída pela Meta Consultoria Agrícola, que já plantou algodão na última safra e obteve bons resultados, comprovando a viabilidade do algodão.

 

Fonte: Escrito por: Rafael Govari – JOP

O Portal não se responsabiliza pelos comentários aqui postados!