Últimas notícias
Henri Castelli está conhecendo melhor a modelo de Manaus Tarcia Ciarlini| Cauã Reymond fez terapia com filha após apoio de Goldfarb e Grazi Massafera| Clube promissor, Luverdense cai para a Série D do Brasileiro; veja cinco motivos para queda| Cuiabá faz último treino antes de embarque para encarar América-MG; veja provável escalação| Conferência Jovens Fortes reúne grandes nomes da música gospel em 12h de programação, em Goiânia|
Notícias - Agronegócios

05 de Fevereiro de 2019 ás 16:07:57

Senar-MT e parceiros realizam mais de 80 ações educacionais em fevereiro

Para o presidente do Sindicato Rural de Confresa, Birajá Meireles Campos, a falta de mão de obra qualificada para o setor de máquinas e implementos agrícolas está cada vez maior.

Foto por: Assessoria de Imprensa/SENAR-MT

Em parceria com os Sindicatos Rurais, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) realiza em fevereiro mais de 80 ações educacionais. Com 11 treinamentos previstos, o setor de máquinas e implementos agrícolas continua entre os que mais demandam capacitação de mão de obra. Em seguida está a atualização das Normas Regulamentadoras (NRs), com cinco turmas previstas para fevereiro.

Para o presidente do Sindicato Rural de Confresa, Birajá Meireles Campos, a falta de mão de obra qualificada para o setor de máquinas e implementos agrícolas está cada vez maior. "Dentre os vários fatores, o que mais impacta em nossa região é a expansão agrícola. Entre Barra do Garças e Vila Rica são mais de dois milhões de hectares utilizados para o cultivo de lavouras. Além disso, temos também a chegada constante de equipamentos modernos no mercado. Nossos operadores ainda não estão preparados para operá-los".

De acordo com o presidente, o Senar-MT é o principal parceiro do produtor rural quando o assunto é qualificação de mão de obra. "É por isso que quando falam em cortar verbas, ou até mesmo, acabar com o Sistema S, nós temos que nos posicionar e fortalecer cada vez mais o Sistema Famato para nos defender e apoiar nestas horas"

Em 2018, o Senar-MT, em parceria com os 94 Sindicatos Rurais, realizou mais de quatro mil treinamentos que capacitaram e qualificaram 50.235 pessoas para trabalhar nas 15 principais cadeias produtivas do Estado. "Somente para o setor de máquinas e implementos que mais demanda capacitação, a instituição capacitou 6.542", salienta o superintendente do Senar-MT, Otávio Celidonio.

Dinâmico e moderno, este setor necessita cada vez mais de profissionais capacitados para extrair o máximo dos equipamentos agrícolas. "Assim conseguimos reduzir os desperdícios, melhorar a produtividade e, consequentemente a rentabilidade", explica  Celidonio. Ele diz ainda que para atender essa necessidade, a instituição tem feito várias parcerias incluindo empresas privadas e instituições de ensino e pesquisa.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa/SENAR-MT

O Portal não se responsabiliza pelos comentários aqui postados!