Últimas notícias
A sociedade civil no CMMA – Conselho Municipal de Meio Ambiente são os guardiões das riquezas socioambientais no Araguaia Xingu.| Projeto que proíbe uso de narguilé em espaços públicos entra em estudo na Câmara Municipal| Prefeitura de Nova Marilândia (MT) abre concurso com 28 vagas e salário de até R$ 4,6 mil| Carreta tomba na Serra de São Vicente e caminhoneiro é resgatado das ferragens em MT| Brasileiro joga fora 40 kg de comida por ano; arroz, feijão e carne lideram desperdício|
Notícias - Agronegócios

11 de Setembro de 2018 ás 18:15:30

Mapas com informações precisas fazem toda a diferença na tomada de decisões

Os mais solicitados são aqueles para identificar e investigar a variabilidade de diversos aspectos na lavoura como a produtividade, solo, plantas daninhas, pragas e doenças.

Foto por: Divulgação

Quando o assunto é agricultura de precisão, mapas e a tecnologia são fortes aliados do produtor. Mas é preciso ressaltar que devem ser utilizados com sabedoria.

É só, desta forma que podem trazer retorno significativos para o produtor e também para o meio ambiente. Na agricultura de precisão há vários tipos de mapas. Os mais solicitados são aqueles para identificar e investigar a variabilidade de diversos aspectos na lavoura como a produtividade, solo, plantas daninhas, pragas e doenças.

Mapas de infestação de insetos, pulverizações, irrigação, aplicação de fertilizantes, semeadura, taxa variável, automação, máquinas e até de criação de unidades de gestão diferenciadas fazem parte de uma extensa lista de relatórios que podem ser gerados. E o segredo é saber analisar estes dados e aproveitá-los para aumentar a produção e a produtividade e, consequentemente diminuir os prejuízos.

Mapas. Este é o assunto do blog do SENAR-MT https://blogsenarmt.com/ esta semana. Veja a matéria completa com dicas e uma lista de vantagens da agricultura de precisão. Quando se ter um mapa com informações precisas e um profissional capacitado que possa ler e analisar as informações, a tomada de decisão se torna muito mais fácil.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa

O Portal não se responsabiliza pelos comentários aqui postados!